Início DESTAQUE PLANO MUNICIPAL DE SANEAMENTO BÁSICO É APRESENTADO POR NOVA UNIÃO EM CONFERÊNCIA

PLANO MUNICIPAL DE SANEAMENTO BÁSICO É APRESENTADO POR NOVA UNIÃO EM CONFERÊNCIA

PLANO MUNICIPAL DE SANEAMENTO BÁSICO É APRESENTADO POR NOVA UNIÃO EM CONFERÊNCIA
0

Na noite desta quarta-feira, 11 de julho, no Plenário da Câmara de Vereadores, Nova União realizou a 3ª Conferência do Plano Municipal de Saneamento Básico. O evento teve a finalidade de apresentar a população o Plano Municipal de Saneamento Básico, documento desenvolvido ao longo dos últimos quatro anos – iniciado em 2014 e concluído agora, em 2018.

O plano foi desenvolvido após inúmeras reuniões setoriais com o objetivo de ouvir a população sobre suas necessidades referentes a saneamento. Concluído o extenso trabalho de ouvir os anseios dos munícipes, paralelo à ação de coleta de dados, formou-se um “retrato” do Município de Nova União em que ficaram evidenciadas todas as suas demandas por saneamento.

Todo o trabalho de desenvolvimento do documento foi dirigido por Nilton Cesar Moreira, coordenador do Comitê de Coordenação do Plano Municipal de Saneamento Básico (PMSB), assessorado por Edmundo Machado, representante da ECP Soluções em Serviços Gerais, empresa que auxiliou nas diversas etapas de criação do Plano.

O Plano

O Plano tem prazo total de execução em 20 anos, abrangendo todas as áreas de saneamento, contemplando, portanto, Água e esgotamento tratados, manejo de águas pluviais (drenagem) e destinação correta dos resíduos sólidos, o lixo propriamente dito, atendendo 100% da população com todos os melhoramentos listados.

Os recursos para o Plano de Execução (preços de 2018) estão previstos como seguem: Água – Sede (R$ 13.508.646,00); Água – Palmares (R$ 2.536.556,00); Esgotamento Sanitário – Sede e Assentamento (R$ 15.991.586,11); Manejo de Águas Pluviais – Sede e Assentamento (R$ 22.989.423,16); Manejo de Resíduos Sólidos – Sede (R$ 10.355.621,24); Manejo de Resíduos Sólidos – Assentamento (R$ 360.000,00) e Programa Educação, Saúde e Meio Ambiente (R$ 4.597.052,00), perfazendo o total de R$ 70.338.884,51 (Setenta Milhões, Trezentos e Trinta e Oito Mil, Oitocentos e Oitenta e Quatro Reais e Cinquenta e Um Centavos).

Estão previstas atualizações e revisões a cada quatro anos, quando serão inseridas outras regiões do Município ainda não atendidas nesta fase de lançamento do Plano.

Autoridades presentes

O prefeito Adinael de Azevedo, Nilton Cesar Moreira (PMSB), João Leitoa, presidente da Câmara Municipal, vereadores Adilson Inácio Barbosa (Adilson da Eucatur), Marcos Ramon Ribeiro (Marcão), Marins Murbach de Oliveira (Marin) e Silvânia Maria da Silva (Silvânia Carvalho); secretários Municipais Adriana Delbone Haddad, (Educação, Cultura, Esporte e Turismo); Pedro Virgínio (Obras, Serviços Públicos, Agricultura e Meio Ambiente); Renan Leite Pereira (Assistência Social) e Sheila Silva Teixeira, (Saúde) e outros servidores Municipais; Edmundo Machado, da ECP e expressivo número de munícipes marcaram presença. A Fundação Nacional de Saúde (FUNASA) foi representada por seu superintendente Pedro Villar, Socorro Frayha e Joanice Barbosa, técnicas do Núcleo Intersetorial de Cooperação Técnica (NICT) e pelo servidor Fernando Sagner.

Texto : Anfrízio Santana

Imprimir

Comentarios

Comentarios